Blixtrombil Malifluous

logo do blog

Descobre os benefícios da massagem para bebés: Um guia para criar laços, relaxar e desenvolver

Como mãe, só queres o melhor para o teu filho. Quer dar-lhes todo o amor, atenção e cuidados que eles merecem. Uma das melhores formas de criar laços com o teu bebé e promover o seu desenvolvimento é através do poder do toque. A massagem para bebés é uma técnica que tem sido praticada há séculos e que provou ter benefícios tanto para o bebé como para os pais. 

Neste guia, vou explorar os benefícios da massagem para bebés, desde ajudar o seu bebé a relaxar e dormir melhor, até promover o seu desenvolvimento físico, emocional e cognitivo. Também darei dicas e técnicas práticas para ajudar a começar a fazer massagem no bebé. Assim, quer seja uma mãe pela primeira vez ou um prestador de cuidados experientes, junta-te a mim na descoberta da magia da massagem para bebés.

Massajar todas as semanas o meu bebé com toques suaves, movimentos ritmados e circulares, tem mostrado inúmeros benéficos no seu desenvolvimento e bem-estar.

Ao massajar a pele do meu filho consigo percecionar um conjunto de benefícios físicos, como por exemplo, o fortalecimento do seu sistema imunitário, a ajuda na sua circulação sanguínea, a estimulação dos seus músculos e articulações que por sua vez acabam por aliviar desconfortos comuns nestas idades, como cólicas e gases.

Para além disto, sempre que faço uma massagem ao meu bebé, noto que nessa noite ele dorme melhor e acaba por ter menos despertares.

Contudo, é muito importante mencionar os benefícios emocionais que tenho percecionado no meu bebé. Este ritual de amor tem contribuído para fortalecer a nossa ligação e a nossa relação de mãe e filho. Consigo percecionar que para além do relaxamento e tranquilidade, que o meu bebé se tem tornado numa pessoa mais confiante e mais recetiva a novos estímulos exteriores.

Benefícios da massagem para bebés

Muitas vezes, pensamos em massagear os nossos bebés para ajudá-los a dormir, para aliviar dores de estômago, cólicas, para desobstruir os brônquios em caso de bronquiolite… A pediatra do meu filho recomenda mesmo que inclua a massagem na rotina de higiene do pequeno.

Através da massagem, tanto a mãe como o bebé irão libertar uma hormona a oxitocina, esta hormona é responsável pelo a sensação e o sentimento de amor e apego.

Essa bolha de amor que vai envolver o teu bebé, não só o vai acalmar no momento como também o vai deixar relaxado e pronto para dormir melhor.

Na minha experiência pessoal com o meu bebé, acredito que um ritual de massagem agradável também tenha influenciado a minha produção de leite para que a amamentação com sucesso.

Para além disto, a massagem para bebés permite que os nossos pequenos comecem a tomar consciência da sua imagem corporal e das várias partes do seu corpo.

Estas rotinas de massagens também irão aliviar indisposições, e dores de estômago, devido ao calor das nossas mãos e aos movimentos que com elas fazemos, que permitem relançar e ativar o trânsito intestinal para ajudar a eliminar os gases e a fazer cocó. 

Quando podes começar a massagear o teu bebé?

Geralmente, é aconselhável esperar até que o cordão cicatrize. Mas desde o nascimento, nada impede “massagens” nas costas, braços e perninhas o seu bebé. Não te esqueças que durante 9 meses o teu bebé teve no quentinho, com contato constante e, de repente, agora está cá fora mais exposto ao frio ao calor, e outras sensações.

Assim todo o contacto que poderás fazer com o teu bebé, e toda a pele com pele, vai ajudar muito a acalmá-lo e tranquilizá-lo.

É importante que tenhas uma rotina de massagem que poderá ser até depois do banho. Esta rotina poderá ser estendida durante toda a infância do teu filho.

Como fazer massagem para bebés

Para que o teu bebé possa disfrutar da tua massagem é importante que te sintas confortável. O bebé deverá estar instalado na muda fraldas ou numa cama de casal em cima de uma toalha macia.

Aquece bem o ambiente. O ideal é que a temperatura esteja em torno de 25°C para que a criança não sinta frio durante a massagem.

Diminui a luz e podes colocar também um som de fundo, tens no spotify muitas listas de reprodução para meditação e massagem para bebés, sendo que o teu bebé também irá gostar de ouvir a tua voz meiga durante toda a massagem.

Assim, podes falar com ele sobre ele, sobre cada parte que massageamos para ajudá-lo a integrar sua imagem corporal.

Óleos para massagem em bebés

A escolha do óleo de massagem para bebés é algo muito importante. É importante ter atenção aos produtos que vamos usar. Eu pessoalmente sempre gostei de massajar o meu bebé com estas 3 opções: óleo de amêndoas doces, óleo de cocô, ou o linemento da marca Mustela.

Qualquer uma destas opções é simples e nutritiva para a pele dos mais pequenos. Certifica-te apenas se o óleo de massagem é de boa qualidade e é livre de químicos e aditivos.

Deverás sempre fazer a massagem sem anéis, pulseiras e unhas grandes, para não correres o risco que arranhar o teu bebé.

Melhores técnicas de massagem para bebés

O melhor conselho que posso dar é que respeites o teu bebé: o seu ritmo e o seu corpo. Podes começar por massajar o teu bebé por cima do body se ele ainda não se sentir confortável nu. Depois ao longo do tempo, no decorrer dos banhos e trocas de roupa, podes ir transmitindo confiança para que o teu bebé começa a percecionar esta rotina como um momento prazeroso e de relaxamento.

Relativamente a técnicas, acho que o que conta e o mais importante é todo o bem-estar que lhe podes transmitir com as tuas festinhas e massagens.

Deixa a técnica para quem percebe de osteopatia pediátrica que é uma especialidade que recomendo a 100% desde o nascimento.

Algumas ideias de gestos para massagear seu bebé

O melhor conselho que posso dar é que respeites o teu bebé: o seu ritmo e o seu corpo. Podes começar por massajar o teu bebé por cima do body se ele ainda não se sentir confortável nu. Depois ao longo do tempo, no decorrer dos banhos e trocas de roupa, podes ir transmitindo confiança para que o teu bebé começa a percecionar esta rotina como um momento prazeroso e de relaxamento.

Relativamente a técnicas, acho que o que conta e o mais importante é todo o bem-estar que lhe podes transmitir com as tuas festinhas e massagens.

Deixa a técnica para quem percebe de osteopatia pediátrica que é uma especialidade que recomendo a 100% desde o nascimento.

massagem para bebés